Ultimas Noticias...

quinta-feira, 30 de março de 2017

Túmulo de Camões - Mosteiro dos Jerónimos





LUÍS VAZ DE CAMÕES (c. 1524 — 10 de Junho de 1580) é frequentemente considerado como o maior poeta de língua portuguesa e dos maiores da Humanidade. O seu gênio é comparável ao de Virgílio, Dante, Cervantes ou Shakespeare. Das suas obras, a epopeia Os Lusíadas é a mais significativa. Morreu aos 56 anos de idade.

Túmulo em mármore de  formato retangular representando um esquife. Ricamente decorado no estilo Manuelino, com alegorias alusivas à arte. Encimando a urna, um tampo com uma escultura em tamanho natural de Camões deitado, com trajes da época, ladeado por uma espada. As duas palmas das mãos juntas em formato de prece. Inscrições douradas identificam o túmulo. Todo o conjunto é suportado por seis esculturas de leões. Na verdade o túmulo é um cenotáfio. Depois do terremoto de 1755, que destruiu a maior parte de Lisboa, foram feitas tentativas para se reencontrar os despojos de Camões, todas frustradas. A ossada que foi depositada em 1880 na tumba no Mosteiro dos Jerónimos é, com toda a probabilidade, de outra pessoa

Cenotáfio: Monumento erigido à memória do morto, mas que não lhe encerra o corpo.

PARTILHA ISTO NA REDE SOCIAL !!!!!!!!

 
Copyright © 2014 Só te conto... . Designed by OddThemes | Distributed By Gooyaabi Templates