Ultimas Noticias...

quinta-feira, 10 de junho de 2010

A morte de Alfredo da Silva


Em 22 de Agosto de 1942 morria no seu palacete em Sintra, de ataque cardíaco, Alfredo da Silva. No dia seguinte ao seu funeral o "Diário de Noticias" titulava na primeira página « Milhares de operários incorporaram-se no enterro do grande industrial». Não que Alfredo da Silva, o patrão da CUF, fosse um mãos largas para os seus trabalhadores, Mas a CUF era a maior concentração industrial do Pais, e só ela dava emprego a 15 000 operários. O grupo empresarial que criara intervinha com capitais, iniciativas e influencia em todas as principais actividades económicas do Pais.
Não é fácil seguir o percurso deste invulgar homem de negócios português, que sobre si dizia «Nasci industrial, sempre quis ser industrial, e hei de ser industrial até morrer »

PARTILHA ISTO NA REDE SOCIAL !!!!!!!!

 
Copyright © 2014 Só te conto... . Designed by OddThemes | Distributed By Gooyaabi Templates